quinta-feira, 30 de julho de 2015

Governadores querem empréstimos e retomada do Minha Casa, Minha Vida

No encontro de hoje com a presidente Dilma, em Brasília, os governadores vão apresentar pedidos
A retomada do programa de habitação Minha Casa, Minha Vida é um dos principais pleitos dos governadores no encontro de hoje, em Brasília (DF), com a presidente Dilma Rousseff. O governador Renan Filho (PMDB), que participará da audiência, informou que os gestores também cobrarão do governo federal a autorização para realizar empréstimos que permitirão investimentos nos estados.

“Vamos tratar, principalmente, da possibilidade de novos investimentos através das operações de crédito que já foram pré-autorizadas anteriormente. Queremos que o governo autorize essas operações. Também vamos solicitar o relançamento do Programa Minha Casa, Minha Vida, que é fundamental para gerar emprego na construção civil e oferecer moradia às pessoas”, disse Renan, ontem, durante solenidade em Marechal Deodoro. “Os governadores do Nordeste vão demonstrar a necessidade da permanência desse programa”.

Segundo o governador, há uma cobrança pela definição do governo federal quanto aos programas que terão ou não continuidade nesse período de crise política e econômica. “Assim que o governo federal acenar quais são as prioridades e quais os programas que ele vai lutar para manter, isso vai começar a distensionar os problemas da economia, vai definir um horizonte e garantir mais previsibilidade. E é isso que a gente está defendendo”, afirmou. A continuidade das obras hídricas e das ações de enfrentamento à seca também será discutida na reunião.

O encontro foi convocado pela Presidência da República, que quer tratar da governabilidade e da situação econômica do País. “A presidente Dilma chamou a reunião para falar dos desafios que virão pela frente e do que o governo federal está pensando para que o País possa enfrentar a crise. Eu tenho dito que não podemos fazer um ajuste por ajuste, somente. O ajuste tem que apontar uma saída, um caminho para o País”, reforçou o governador.

Além da reunião com Dilma, Renan Filho cumprirá uma agenda extensa em ministérios para tratar de investimentos no estado. Segundo ele, um dos pontos é o débito do governo federal em decorrência da venda da antiga Companhia Energética de Alagoas (Ceal), décadas atrás.




Fonte: JL/Gazetaweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...