domingo, 15 de novembro de 2015

MUNDO Em protesto contra governo, sindicalista coloca fogo no corpo durante coletiva

Apesar do susto, o sindicalista não teve queimaduras graves. "O rosto e a perna estão queimados, mas ele anda normalmente", afirmou um jornalista

 
Nesta sexta-feira (13/11), o líder do sindicato dos trabalhadores da Erdenes Tavan Tolgoi, da Mongólia, assustou os jornalistas presentes em uma coletiva de imprensa ao colocar fogo em si mesmo em forma de protesto à privatização da empresa.

Segundo Último Minuto, o ativista disse pouco antes do ato extremo: "O governo da Mongólia não suporta nossa empresa, as famílias dos trabalhadores estão com fome. Por isso, pelos meus filhos e todos os mongois, eu queimo". Na sequência, jogou gasolina no corpo e colocou fogo em si na frente de repórteres, que começaram a gritar. Outros sindicalistas tentaram apagar o fogo para ajudar a vítima. 

Apesar do susto, o sindicalista não teve queimaduras graves. "O rosto e a perna estão queimados, mas ele anda normalmente", afirmou um jornalista.
Fonte: JL/Portal Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...