sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Piauí inaugura Complexo Eólico que vai gerar energia para um milhão de residências

Wellington Dias garante que complexo eólico é grande ganho para o PI
O governador Wellington Dias - acompanhado do secretário de Mineração, Petróleo e Energias Renováveis, Luís Coelho; secretários estaduais, deputados e demais autoridades - participou da inauguração, na manhã desta quinta-feira (14), do Complexo Eólico Chapada do Piauí I, localizado no município de Marcolândia, no Sul do estado. O empreendimento abrange os parques Chapada do Piauí II e III, contemplando os municípios de Marcolândia, Simões, Padre Marcos e Caldeirão Grande. Além disso, possui uma capacidade para gerar 436MW, o que representa um potencial para fornecer energia para mais de um milhão de residências.

Solenidade de Inauguração do Complexo Eólico “Chapada do Piauí I, II e III”( Foto: Marcelo Cardoso)Além de gerar energia renovável para atender ao mercado brasileiro, o Complexo Chapada do Piauí criou empregos e trouxe desenvolvimento para a economia local, por meio da regularização fundiária das terras dos pequenos proprietários e da geração de renda via arrendamentos de terras. A geração de emprego e renda à população local possibilitou o aprimorando os programas de saúde, educação e qualificação profissional do entorno.

Durante a inauguração, Wellington enfatizou que o potencial energético do Piauí tem se destacado no Brasil e atraído investidores internacionais. “Esta é uma base importante de energia eólica e um dos maiores investimentos do setor no Brasil. São cerca de R$ 1,8 bilhão e que gerou cerca de três mil empregos. É um ganho significativo para o Piauí”, garantiu Wellington.

O Governo do Estado é um parceiro do empreendimento, que está sendo comandado pela empresa Contour Global e Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf). De acordo com a presidente da Countour Global, Alessandra Marinheiro, o apoio do Governo foi essencial para que a empresa cumprisse seu objetivo. "Temos muito orgulho da relação positiva que construímos com o Governo do Piauí, com os municípios e com a comunidade do entorno do parque. É perceptível que esse Estado é muito preocupado com o desenvolvimento e hoje temos aqui o maior complexo eólico da Countour Global", disse a presidente.

O presidente da Chesf, José Carlos Miranda Farias, parabenizou a toda a equipe pela conclusão do projeto. "Nesse momento, essa energia eólica vem somar com as demais da região Nordeste. Esse trabalho não teria sido exitoso se não tivesse o apoio do setor público, por meio Estado e de suas secretarias e do Governo Federal, através dos seus órgãos”, admitiu Farias, ressaltando que espera que este empreendimento seja um paradigma para os diversos outros que virão para o Piauí e para o Nordeste.

Durante a solenidade, o governador Wellington Dias ressaltou o potencial energético da região e as próximas metas a serem alcançadas. “Só existem duas regiões no planeta com as mesmas características, a Califórnia e essa região aqui do Brasil. De um lado temos o fator natural que coloca uma pressão atmosférica que leva o vento numa velocidade acima da média de outras regiões do Brasil e do mundo. Além disso, o vento aqui é mais forte e potente durante a noite e mais fraco durante o dia mas ainda assim constante, por isso este é o casamento perfeito com a energia solar porque o que nós mais temos nessa região é sol, o maior gerador que a gente tem”, disse.

Ainda de acordo com o chefe do executivo estadual, o Piauí quer produzir ainda nesta década tudo o que o Brasil produzia até o ano de 2014, algo em torno de 6 ou 7 gigawatts.

O secretário de Mineração, Luís Coelho, afirmou que outras investidores tem procurado o Piauí pelo seu potencial energético. “Nós vamos ter aqui de 436mw de energia aqui e é só um dos parques que temos nessa região. Eu tenho dito que Piauí será o maior produtor de energia da América Latina e cada vez me convenço mais disso. Na próxima semana teremos uma audiência pública nos municípios de Curral Novo, Betânia e Paulistana, a empresa Votorantim quer investir em energia eólica nessa região”, conclui Luís Coelho.



Fonte: JL/Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...