quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Ex-prefeito Francisco Bernardone é condenado pelo TCE

O relator do processo no Tribunal de Contas do Estado foi o Conselheiro Kléber Eulálio. O ex-prefeito está preso desde abril de 2014.

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado do Piauí condenou o ex-prefeito de Aroazes, Francisco Bernardone da Costa Vale "China", a devolver R$ 81.241,96 aos cofres públicos por dano ao erário do Estado. A Corte também decidiu pela irregularidade das contas e aplicação de multa de 1000 UFRs.
  Francisco Bernardone da Costa Vale(Imagem:Divulgação) 
Francisco Bernardone da Costa Vale
A Prefeitura de Aroazes não prestou contas da 3º parcela do convênio firmado com a Empresa de Gestão de Recursos – Emgerpi para implantação de pavimentação em paralelepípedo liberada em 2010. O órgão notificou o prefeito, no entanto não houve resposta.

A Emgerpi instaurou uma tomada de contas especial e a Divisão Técnica do TCE-PI, após análise da documentação, identificou dano ao erário. O relator do processo foi o Conselheiro Kléber Eulálio.  Prisão

Bernardone está preso desde abril de 2014 pelo assassinato de Manoel Portela de Carvalho, em 1996, que na época era prefeito do município de Aroazes e por uma tentativa de homicídio contra Milton César Correia da Silva, em 1997. O ex-prefeito foi condenado a pena de reclusão de 15 (quinze) anos, pela prática de homicídio qualificado e a 8 (oito) anos e 8 (oito) meses de reclusão pela prática de tentativa de homicídio qualificado. Todas as penas em regime inicialmente fechado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...