quinta-feira, 12 de maio de 2016

Visitando a Cachoeira de Iracema, de Presidente Figueiredo – AM,



Fonte Tropical Noticias
Jornalista Raimundo Martins

Visitando a Cachoeira de Iracema, de Presidente Figueiredo – AM, já era ao entardecer a cada momento se podiam observar as belezas de Amazonas, as grandes matas, lagoas imensa tudo fazia parte da natureza, o passeio gostoso cheio de curiosidade e logo ali deparando com as belezas; pedras furadas, umas parecia janelas, portas, salas e arcos, túnel que parecia não ter fim tudo era tão belo.

Conversando com um amazonense, Artur Mesquita, relatou que a Cachoeira de Iracema, existe um local chamado “CATEDRAL”, local que há colunas esculpidas na rocha, salões e entre outros espaços que lembram ás colunas de uma Igreja. 
 

Essas colunas são espaços vazados são resultados de milhares de anos de passagem de águas, que as águas esculpiram.

A natureza chamava atenção, a cachoeira um verdadeiro palco você ficava olhando tudo ao seu redor como que você estivesse no meio de uma grande chuva, o vento soprava uma neve fria, as águas murmurava com os barulhos da queda das águas, com fluxo rápido que pode arrastar, tudo parecia ser uma nuvem passageira.

Uma bela cachoeira no meio da floresta amazônica com acesso relativamente fácil. A infra estrutura disponível é mínima (poucos, distantes e descuidados banheiros), mas a beleza do lugar vale uma visita.

Cachoeira de Queda muito grande e forte, dentro da floresta. Acesso através de caminhada em torno de 1km, várias passarelas de madeiras, várias cavernas e com ampla área para banho. 
 

O município de Presidente Figueiredo, a 107 quilômetros de Manaus, tem mais de 100 cachoeiras conhecidas, por isso o apelido “Terra das Cachoeiras“. Uma das mais bonitas e mais visitadas é a Cachoeira de Iracema, dentro do Parque Ecológico Iracema Falls, que inclui também a Cachoeira das Araras, grutas, trilhas, hotel e restaurante. 
A Cachoeira de Iracema é uma bela queda d’água de 8 metros de altura, situada em um cenário paradisíaco. No período de cheia dos rios, geralmente de março a julho, a cachoeira está com o máximo de volume das águas, ficando mais bonita, mas também mais perigosa para banho por conta da forte correnteza. O período mais propício para um mergulho é de setembro a janeiro, na vazante dos rios, quando se formam piscinas naturais e é possível tomar banho embaixo da queda d’água.



 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...