sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Mais de 300 candidatos estão fora da disputa por mandato

 Faltando apenas três dias para o fim do prazo de julgamento dos pedidos de registro de candidatura, dos 616 candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador em Teresina, faltam menos de 10% para serem julgados. Cerca 3% dos candidatos em todo o estado foram indeferidos, desistiram ou não atenderam às exigências legais da Justiça Eleitoral. O cartório da 1ª Zona Eleitoral de Teresina montou plantão no sábado e domingo para finalizar a análise dos documentos dos candidatos. 
No restante do estado, os indeferimentos ou impugnações dos registros se deram pela aplicação da Lei da Ficha Limpa, por ausência de documentos, alguns por falta de comprovação de escolaridade e de desincompatibilização do serviço público. Dos 10.107 candidatos que pediram registro aos cargos de vereador, vice-prefeito e prefeito em todo o Piauí, cerca de 3.300 ainda aguardam julgamento dos pedidos pela Justiça Eleitoral, segundo o sistema de divulgação de candidaturas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Em Teresina, dos 616 candidatos, 44 aguardavam o mesmo julgamento. O chefe do cartório da 1ª Zona, Antonio Carneiro, disse que tem que analisar cada documento exigido para o registro para o deferimento da candidatura. Já houve duas impug-nações e quatro desistências, mas ele não forneceu os nomes, alegando a quantidade de serviço e a correria do trabalho para finalizar as análises e os julgamentos dos processos. O prazo de análise e julgamento encerra na segunda-feira (12).
Ele explicou que muitos candidatos não apresentaram documentos como escolaridade, desincompatibilização e outras certidões exigidos para o registro de candidatura. Em outros casos tem discordância entre o tempo de filiação exigido por lei, que são seis meses, e o que determina o estatuto do partido, que exige pelo menos um ano de filiação, como é o caso de Amadeu Campos (PTB). 
O caso do pedido do professor Francisco Soares (Rede Sustentabilidade) ainda não foi apreciado pela juíza. Ele pediu uma candidatura avulsa, depois que seu partido tinha oficializado uma aliança com o PPS e decidido apoiar a candidatura à reeleição do prefeito Firmino Filho (PSDB). O problema está sendo questionado na Justiça. Nesta sexta, os cartórios estão encerrando a fase de analise de documentos para os julgamentos. 
Nos casos de indeferimento ou impugnação, os questiona-mentos serão feitos ao Tribunal Regional Eleitoral. No Estado, pouco mais de 20% dos pedidos de registros ainda estão pendentes. Mas os juízes nas zonas elei-torais afirmam que até segunda-feira estarão todos apreciados e serão remetidos ao TRE. Segundo dados da Justiça Eleitoral, 75% dos casos já foram julgados e considerados aptos para disputar mandato eletivo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...