sábado, 5 de novembro de 2016

Candidato erra de prédio e perde primeiro dia de prova do Enem no PI

Eduilton Barbosa, 28 anos, culpa coordenação por errar o local de prova. Portões abriram às 11h, fecharam às 12h e o exame teve início às 12h30

O
estudante Eduilton Barbosa, 28 anos, atrasou por dois minutos e não conseguiu entrar a tempo no local de prova neste sábado (5), na Faculdade Santo Agostinho, Zona Sul de Teresina. O candidato disse que chegou na hora e culpou os coordenadores do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) pelo erro. Ele acabou trocando de prédio por conta de uma informação errada que lhe passaram.
“Eu entrei no prédio sede da faculdade e uma pessoa da organização do exame me garantiu que a sala era nesse prédio. Quando cheguei no andar não encontrei a sala e outra pessoa disse que estava no prédio errado. Quando cheguei no prédio anexo, local certo, eu já estava atrasado dois minutos. Sinto-me injustiçado”, desabafou o candidato que pretendia uma vaga para o curso de direito.

História parecida ocorreu com Elisângela Mendes, 38 anos. Ela relatou ao G1 que chegou no horário e foi encaminhada ao prédio sede da faculdade e garantiu que uma pessoa da organização informou que sua sala seria nesse local.

“Quando já estava no segundo andar do prédio foi que me disseram que eu estava no prédio errado e me mandaram sair. Fiquei perdida e fui em direção ao outro prédio que me disseram ser o correto, mas quando cheguei lá me impediram de entrar. Se tivessem me orientado direito eu teria feito a prova. Isso é um absurdo!”, lamentou Elisângela.
Neste sábado (5) os portões abriram às 11h, fecharam às 12h e o exame teve início às 12h30. As provas de hoje são compostas por 45 questões objetivas de ciências da natureza e suas tecnologias e outras 45 de ciências humanas e suas tecnologias. A duração total é de 4h30 neste primeiro dia.
Os dois candidatos fariam prova na Faculdade Santo Agostinho (FSA) que conta com três prédios, um próximo ao outro na mesma avenida. O G1 não conseguiu falar com nenhum dos organizadores do Enem nesse local de prova.
Enem no Piauí
Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), no Piauí 198.234 estudantes estão inscritos para fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) este ano. No entanto, por conta das ocupações em alguns locais de prova, o exame teve que ser adiado para 1.912 candidatos no estado.
Em todo o país, foram 8.732.184 inscritos. O exame é a única forma de ingresso em universidades federais e institutos federais, que adotaram o Sistema de Seleção Unificada (Sisu). No Piauí, 19.938 farão o Enem para garantir a certificação de conclusão do Ensino Médio.
O Inep afirmou, no fim da tarde da sexta-feira (4), que todos os candidatos da edição 2016 do  Enem que não receberam qualquer aviso sobre o adiamento do local de provas deve realizar o exame neste fim de semana.
Os locais onde as provas foram adiadas são: Os locais são: o campus Professora Cinobelina Elvas da Universidade de Federal do Piauí (UFPI), na cidade de Bom Jesus, e o campus Sul do Instituto Federal de Educação (IFPI), em Teresina.
O que levar para a prova
O edital permite que os participantes levem comida e bebida para a sala de provas. É possível que o candidato leve garrafa com água e lanches leves. O candidato pode levar potes de comida transparentes.
Não é permitida a entrada com bonés ou óculos escuro, smartphones e tablets.Não é obrigatório imprimir cartão de confirmação, mas o Inep recomenda levar cartão impresso, para ver detalhes sobre local de provas.
A caneta a ser utilizada para marcar o cartão-resposta deverá ser de tinta preta. O candidato não pode esquecer de levar o RG.
Segurança e transporte
Um efetivo de 950 policiais militares vai realizar a segurança em todo o Piauí durante a aplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, o trabalho principal dos policiais é garantir a escolta dos malotes das provas e manter a ordem e segurança nos 490 locais de aplicação.
Para garantir a mobilidade dos estudantes, a Prefeitura de Teresina organizou uma operação especial no local onde haverá maior fluxo de veículos, além de mantar a frota normal no domingo - dia da semana em que ela geralmente é reduzida.
Além disso, a  Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), responsável pelas ações de trânsito na cidade, estará com equipes de agentes de trânsito nos locais de maior fluxo de veículos para evitar congestionamentos.


Fonte: JL/G1PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...