sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Após fraude, concurso para agentes penitenciários é anulado no Piauí

Quatro pessoas foram presas no dia da aplicação das provas, no ano passado. Organizadora do concurso tem 15 dias para divulgar novo cronograma

A
Secretaria Estadual de Justiça (Sejus) anulou a primeira etapa do concurso para agentes penitenciários do Piauí, que teve provas realizadas no mês de setembro de 2016. O órgão seguiu parecer da Procuradoria geral do Estado (PGE), que levou em conta a comprovação de um esquema de fraude na aplicação do certame.

No dia da realização das provas, quatro pessoas foram presas com cola ou esboços de gabarito. Poucos dias depois, a Sejus decidiu suspender o certame até a conclusão das investigações policiais.
Ainda de acordo com a portaria, o Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos da Universidade Estadual do Piauí (Nucepe), entidade organizadora do concurso, terá o prazo de 15 dias para divulgar o novo Anexo I (Cronograma de Execução), com nova data de aplicação das provas e das outras etapas do certame. A portaria aguarda publicação no Diário oficial do Estado do Piauí.
Mais de sete mil pessoas participaram do concurso, que previa 400 vagas para o cargo de agente penitenciário, com remuneração bruta de R$ 5.966,14. O certame estimava ainda que os 75 primeiros classificados seriam chamados de forma imediata.


Fonte: JL/G1PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...