sexta-feira, 23 de junho de 2017

Temer é pressionado a tirar PSDB dos ministérios

Partidos que apoiam o Planalto argumentam que o rompimento do PSDB é apenas uma questão de tempo
 
O
governo foi derrotado na comissão do Senado que votou a reforma trabalhista nessa semana. A relação entre a base do presidente Michel Temer e o PSDB ficou prejudicada e o peemdebista passou a ser pressionado a desalojar os tucanos dos ministérios antes que eles deixem formalmente a base aliada.
Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, os partidos que apoiam o Planalto argumentam que o rompimento do PSDB é apenas uma questão de tempo e Temer deveria antecipar o gesto e dar mais cargos para as siglas que vão atuar para barrar a denúncia de Rodrigo Janot na Câmara.
Os aliados de Temer julgam que os tucanos mentem ao dizer que apoiam as reformas e o voto do senador Eduardo Amorim (PSDB-SE) contra a nova legislação trabalhista seria a prova disso.
A publicação destaca que, segundo integrantes do PSDB, o clima é de desconfiança e os tucanos podem deixar os ministérios em breve. Enquanto isso, o ministro Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência) pede calma. “Não podemos perder o foco. A meta é aprovar a reforma trabalhista e a da Previdência. Até lá, não devemos empurrar ninguém”, afirmou.
Fonte: JL/Notícias ao Minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...