terça-feira, 5 de setembro de 2017

INVESTIGAÇÃO Antes de falar à imprensa, Janot se reuniu com Fachin e Cármen Lúcia

Informações de bastidores dão conta que neste encontro, o ministro Edson Fachin, que deverá decidir sobre a divulgação do áudio, teria se mostrado surpreso com os novos fatos revelados por Rodrigo Janot

 Antes de falar à imprensa no fim da tarde desta segunda-feira 4, o procurador-geral da República, Rodrigo Janto, se reuniu com o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, e com a ministra Cármen Lúcia, presidente da Corte.
 
Janot convocou uma coletiva às pressas para informar que pediu a abertura de uma investigação para apurar omissão de informações por parte dos delatores da JBS.
 
Segundo ele, um áudio de quatro horas que traz uma conversa entre Joesley Batista e Ricardo Saud, da JBS, tem fatos "gravíssimos" envolvendo um procurador da República e o Supremo.
 
Informações de bastidores dão conta que Edson Fachin teria se mostrado bastante surpreso com os fatos revelados por Janot, tendo 'arregalado os olhos' ao ouvir. Na conversa com os ministros, Janot falou sobre a possibilidade de rescindir a delação da JBS, revertendo os benefícios concedidos aos colaboradores.
 
 

Fonte: JL/247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...