segunda-feira, 29 de outubro de 2018

Policial se entrega após matar rapaz que exibiu arma ao comemorar resultado da eleição


Um homem identificado como Rodrigo Magalhães foi morto com um tiro na cabeça em Piracuruca, a 196 km ao Norte de Teresina. O crime aconteceu por volta das 15h desta segunda-feira (29) na avenida Coronel Pedro de Brito, bairro Esplanada. Segundo a Polícia Civil, ele foi morto durante uma abordagem da Polícia Militar.
O confronto com a PM teria acorrido após áudios no aplicativo Whatsapp, atribuídos à vítima, ameaçarem um policial militar. Um vídeo gravado ontem à noite e postado nas redes sociais mostra Rodrigo em uma suposta comemoração pela vitória do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), exibindo uma arma de dentro do carro em que estava.
Segundo o delegado geral, Riedel Batista, o PM que atirou no rapaz se apresentou voluntariamente na delegacia por volta das 17h. "A informação que temos é que ele desacatou o policial. Houve troca de tiros e a vítima foi alvejada", disse.
Riedel disse ainda que o PM prestou socorro à vítima chamando a ambulância e não se evadiu do local. Ele foi ouvido pela delegado Hugo Alcântara na presença de advogados. Procurado pelo Cidadeverde.com, o delegado disse que só se manifestaria posteriormente.

Vítima teria sido atingida com um tiro na cabeça. Foto: Arquivo/Rede Social
Hérlon Moraes
herlonmoraes@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dia 5 de agosto iniciam os festejos da Padroeira de Cocal - PI

  Os festejos da cidade de Cocal iniciam dia 05 e se prolongará até o dia 15 de agosto com encerramento de uma procissão em homenagem à Padr...