quinta-feira, 28 de março de 2019

Teresina: 170 famílias estão em áreas de risco grave de desabamento


Em relatório divulgado pela Defesa Civil Municipal de Teresina nesta quarta-feira (27) apontou entre janeiro e março deste ano 21 famílias foram removidas de suas casas e outras 170 notificadas para desocupação de suas residências por conta do risco grave de desabamento.

A Defesa Civil Municipal reforça que a população deve manter relação próxima com a equipe, por meio de ligação gratuita para o número 153.

Sebastião Domingos, coordenador da Defesa Civil de Teresina, recomenda cuidados que a população em áreas de risco deve tomar durante as chuvas. “É importante que se tenha prudência. Para aqueles que já estão em deslocamento a recomendação é que procurem um lugar seguro, parem e aguardem não só a passagem da chuva, mas também que a água seja drenada das ruas e avenidas, e se tenha uma visualização do local onde se anda, evitando acidentes”, explica.

De acordo com a Prefeitura de teresina, todas as famílias removidas de suas residências por comprovação da precariedade do local são imediatamente cadastradas no programa Cidade Solidária e recebem auxílio emergencial.

“Para os que moram em áreas de risco principalmente de alagamentos é importante monitorar o terreno e onde se deposita o lixo, que pode entupir galerias e afetar a região. Uma vez alagada a casa, ocorre a infiltração que pode acarretar no desabamento parcial ou total da residência”, complementa Sebastião Domingos.

Para ser incluso no Cidade Solidária, a Defesa Civil de Teresina precisa identificar a situação através de atendimento que pode ser solicitado também pelo número 153.
 
Valmir Macêdo [Com informações da PMT]
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...