sábado, 19 de outubro de 2019

Procuradora pede afastamento de prefeito e o denuncia ao Tribunal de Contas

Ele é acusado de crime de responsabilidade e infrações administrativas
A procuradora do município de Marcos Parente, Lara da Rocha de Alencar Bezerra, denunciou ao Tribunal de Contas do Piauí (TCE), o prefeito Pedro Nunes de Sousa, o presidente da Comissão de Licitação Danyllo Carreiro Mousinho; o ex-procurador Geral do Tiago Rubens Osório Lima e o atual procurador- geral Anselmo Alves de Sousa por supostas irregularidades em processos licitatórios.

De acordo com a representação, a procuradora solicitou, em caráter de urgência, que fosse concedida medida liminar para suspender qualquer processo licitatório em Marcos Parente que não tenha o parecer da mesma.

Ministério Público Federal ( Foto: Wilson Nanaia/Portal AZ)

A procuradora Lara da Rocha pediu também para o Tribunal, em cumprimento à ordem judicial, obrigar os gestores a submeterem o parecer prévio de todas as licitações realizadas pelo município; a anulação de Memorando ilegal que tira o poder da procuradora; e a realização de inspeção na comissão de Licitação de Marcos Parente afim de constatar irregularidades.

Na semana passada, a procuradora protocolou pedido de cassação do prefeito na Câmara Municipal de Vereadores, com imediato afastamento por vários crimes: perseguição pessoal, crime de responsabilidade, infrações administrativas, abuso de autoridade, violação de prerrogativas profissionais, quebra de decoro, descumprimento de ordem judicial, usurpação de função publica e reiterada inobservância de leis, além de outros ilícitos.

Conheça o portal de
'A' a 'Z'

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...