segunda-feira, 18 de maio de 2020

"Posição final é do médico", diz Wellington sobre uso de hidroxicloroquina

“O nosso protocolo, desde o início da pandemia, foi oferecer os medicamentos necessários, mas a posição final é do édico atuante", declarou o chefe do executivo estadual.O governador Wellington Dias (PT) se reuniu nesta segunda-feira (18) com representantes da Universidade Federal do Piauí (UFPI), da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) e do Conselho Regional de Medicina do Piauí (CRM-PI), onde foram tratadas questões como os protocolos adotados nos hospitais do Piauí em relação ao uso de medicamentos como Hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com covid-19 (coronavírus).


Em suas redes sociais, o chefe do executivo estadual deu maiores detalhes do encontro. “Estive hoje em importante agenda com a UFPI, Uespi e representantes do Conselho Regional de Medicina. Tratamos sobre a ampliação de exames de coronavírus, a partir dos laboratórios da Universidade Federal em Teresina e em Parnaíba, e sobre o comitê de especialistas para analisar os protocolos adotados em todos os hospitais do Piauí”, declarou.

Sem citar a Hidroxicloroquina, Wellington Dias afirmou que, no que diz respeito à administração de medicamentos, a posição final deve ser do médico, com o consentimento do paciente ou responsável.

“O nosso protocolo, desde o início da pandemia, foi oferecer os medicamentos necessários, mas a posição final é do médico atuante, desde que haja o consentimento do paciente ou responsável”, colocou.

Protocolo

Na semana passada o Palácio de Karnak já havia se posicionado quanto ao uso de hidroxicloroquina em pacientes com covid-19. Por meio de um comunicado oficial, o Governo do Estado afirmou que a rede estadual de saúde utiliza o protocolo médico com possibilidade de uso de corticóide, heparina e hidroxicloroquina desde março deste ano.

“O Governo do Estado do Piauí segue um protocolo que possibilita o uso desses medicamentos por decisão do médico e consentimento do paciente e/ou responsável. Convém destacar que a Secretaria de Saúde do Estado do Piauí (Sesapi) disponibiliza Corticoide, Heparina e Hidroxicloroquina nas farmácias da rede hospitalar estadual”, dizia um trecho da nota oficial.
Edição: Tropical Noticias
Fonte GP1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...