terça-feira, 18 de agosto de 2020

Política CORONAVÍRUS Rafael Fonteles boicota decreto do governador e contribui para disseminação do coronavírus

Secretário de Fazenda aparece sem máscara numa comemoração com vários familiares e amigos; somente um participante está de máscara

Rafael Fonteles, Chico Adriano, Paulo André, Zé Filho e outros: imunes ao coronavírus?! (Foto/Reprodução)
Rafael Fonteles, Chico Adriano, Paulo André, Zé Filho e outros: imunes ao coronavírus?! (Foto/Reprodução)

Uma patota imune ao coronavírus? O questionamento está sendo feito nas redes sociais depois que começou a circular a foto que ilustra essa matéria. Nela, aparecem o secretário estadual de Fazenda, Rafael Fonteles, seu primo legítimo, Francisco Adriano (Chico Adriano), dentre outros elementos que integram o círculo íntimo e familiar da autoridade piauiense. Atual ícone do petismo palaciano.

Chico Adriano, como é mais conhecido, foi candidato a vereador pelo antigo PFL, Partido da Frente Liberal. Todo petista, ou quase todo, já foi pefelista um dia.

O maior problema, no entanto, diz respeito ao boicote que está sendo patrocinado pelo secretário estadual de Fazenda ao decreto governamental nº 18.947, de 22 de abril de 2020. Nele, Wellington Dias determina uso obrigatório de máscaras. As mesmas pessoas criticam aqueles que não andam de máscaras ou certas autoridades que fazem o mesmo e com isso estariam estimulando a propagação do vírus.

CENÁRIO - Rafael Fonteles e Chico Adriano, no círculo. No canto, único a usar máscara, o sanfoneiro

Somente um participante do evento festivo (diz-se que realizado em Campo Maior, Terra dos Carnaubais) está de máscara. É justamente o sanfoneiro. Ele utiliza máscara com motivos do Exército brasileiro.

Na imagem podem ser vistos, ainda, o empresário Paulo André, que é tido como fornecedor de cestas básicas (e marmitas) para repartições do governo, sobrinho do ex-deputado Pompílio Evaristo, altas ligações com Fonteles; José Filho, ou simplesmente Zé Filho, concunhado do secretário, casado com filha do empresário e pré-candidato a prefeito de Picos, Francisco Araújo, sogro do secretário. É o que está de camisa branca, bem atrás, levantando os braços em sinal de profunda alegria e condescendência. É o que se pode chamar de “concunhado do peito”.

Mas existem outros expoentes do petismo no estado. Pode-se ver ainda o empresário Neiva, que é amigo até demais de Rafael Fonteles. Diz-se que sócio em restaurantes da zona leste. Gente de sangue azul na Secretaria de Estado da Fazenda.

O filho de Francisco de Assis Melo de Carvalho, dono de uma poderosa imobiliária da capital. É uma parte considerável do PIB (Produto Interno Bruto) do Piauí, onde se sabe que a água corre apenas para o mar. O que Fonteles e sua turma imune estão fazendo, na prática, é boicotar as medidas determinadas pelo governador Wellington Dias (PT).

O boicote acontece porque o governador assinou o decreto  nº 18.947, de 22 de abril de 2020, que estabelece o uso obrigatório de máscaras de proteção facial. Esta é mais uma medida de enfrentamento à Covid-19, com o objetivo de garantir mais segurança para a saúde dos piauienses.

Rafael Fonteles não está nem um pouco preocupado com a saúde de ninguém, de acordo com o que se pode ver na imagem. Talvez nem dele mesmo, de seus familiares, amigos, quanto mais dos piauienses. Autoridades de saúde estão convidadas a participar da discussão sobre o caso manifestando seus conceitos sobre a imagem que se vê nesta matéria. O secretário estaria ou não estimulando a propagação do vírus.

Participação pode ser feita através do email tonirodrigues39@gmail.com ou então pelo WhatsApp (86) 99979 7842. O mesmo espaço pode ser usado pelo secretário para se manifestar sobre o caso. O que significa sua atitude? Boicote ao coronavírus? Boicote ao decreto do governador, seu padrinho? Ou simplesmente a tendência de imunopatia? Cartas (ou emails) para a redação.

O caso ganha ampla repercussão e muitos comentários negativos. A maioria das pessoas entende que o secretário deveria dar exemplo. Outros ponderam que ele realmente se acha imune. Mas não é bom brincar com isso. Nem com a doença (novo coronavírus) nem com a ideia que as pessoas fazem desse tipo de atitude. Rafael Fonteles está brincando demais. Aliás, ele tem brincado com tudo. O Piauí, para ele, se transformou num grande parque de diversões. Fonte:(Toni Rodrigues)

Edição Tropical Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...