segunda-feira, 3 de outubro de 2022

Até o 'New York Times' destaca os erros dos Institutos de Pesquisas no Brasil: 'Bolsonaro estava certo'

 

A discrepância entre os números apresentados pelos ‘Institutos de Pesquisa’ e a realidade foi tanta que até o New York Times (a bíblia da esquerda mundial), escreveu:

“O Sr. Bolsonaro clamou por meses que as pesquisas estavam subestimando seu potencial de votos (...) ficou claro que ele estava certo. Cláudio Castro, aliado, foi reeleito no primeiro turno com 58% dos votos, 10 pontos acima do que o IPEC havia previsto. 
Ao menos sete ex-ministros do Sr. Bolsonaro também foram eleitos, incluindo o ex-ministro do Meio Ambiente (Ricardo Salles) e o ex-ministro da saúde (Gen. Pazuello) que foi muito criticado pela ‘demora’ na compra das vacinas durante a pandemia”. 
Chama a atenção ver o maior jornal dos Estados Unidos criticando nossos institutos de pesquisas, em especial o IPEC e também criticando a força dos ex-ministros de Bolsonaro que venceram praticamente todas as eleições que eles disputaram.

Cabe agora cobrar de alguns governadores eleitos no 1º turno, a descida do muro, como Cláudio Castro (RJ), Ratinho (PR), Ronaldo Caiado (GO) e Zema (MG) para que se empenhem na reeleição. Com exceção de Minas, Bolsonaro já venceu em todos esses estados, mas temos que ampliar a margem. Em São Paulo isso acontecerá naturalmente pois o 3º colocado, Rodrigo Garcia (PSDB) deve apoiar Tarcísio de Freitas.

Digo isso porque simplesmente perdi totalmente a esperança no eleitorado nordestino.

É a 5ª eleição consecutiva onde o Nordeste vota maciçamente no PT e suas linhas auxiliares, fica parecendo que nos 9 estados da região a segurança, a saúde e a moradia correm as mil maravilhas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Garanta Já seu Lote, No Loteamento R. Martins – Cocal - Piauí

   O Loteamento R. Martins, bem situado nas margem da rodovia PI 309, que liga Teresina a Barra Grande na região norte do estado do Piaui. H...